Olá leitores(as)!

Sejam muito bem vindos ao Renda Bordô. Tratarei de assuntos mais voltados para o público feminino, mas isso não quer dizer que os meninos não sejam bem vindos por aqui. Na verdade, meninos, gostaria que continuassem lendo e que indicassem para namoradas, esposas, amigas, mães, irmãs, etc (hehehe).
Para que vocês sintam apenas um gostinho do que encontrarão por aqui, seguem tópicos que pretendo abordar:

  • Culinária: receitas testadas e aprovadas por mim; ingredientes: suas aplicações e benefícios para saúde; dicas, em geral;
  • Beleza: dicas de como cuidar dos cabelos em casa; novos esmaltes; como fazer maquiagem e penteado em casa; entre outros assuntos que todas nós adoramos!!;
  • Saúde: que componentes são prejudicias para saúde mas podem ser encontrados em cosméticos que usamos diariamente; como cuidar melhor do seu corpo e mente; etc;
  • Moda: o que tem de interessante por aí; quais são as tendências para cada estação; as idas e vindas da moda; etc;
  • Costura: dicas legais sobre como e o que fazer em casa;
  • Abraçando o planeta: como cuidar melhor do nosso planeta, pensando nos nossos filhos, netos…; como evitar desperdício; como deixar a sua casa ou apartamento (pelo menos, no meu caso) mais “verde”.

 

Mas, de onde veio o nome “Renda Bordô”???


Para aqueles que ficaram se perguntando de onde surgiu o nome “Renda Bordô”, eu explico. Quando eu comecei a pensar em um nome para blog, ainda não sabia bem qual a impressão queria passar. Uma coisa era certa, queria que o nome dissesse muito sobre o blog. Com a ajuda do meu marido, decidi que queria um nome que representasse bem as mulheres (meu público-alvo). Pesquisamos intensamente sobre: nomes de flores (como lírio e flor de lótus); plantas (como anis, alecrim); bijuterias (como colar, anel); item de maquiagem (como rímel e pancake); temperos (como os clássicos cravo e canela); frutas e sobremesas (como amora e charlote); tecidos (como póa e renda). Alguns dos resultados da nossa pesquisa me soavam bem. Testamos várias combinações, mas nada parecia ser o suficiente. Então, comecei a pensar bastante na renda. Sempre amei vestidos feitos em renda, sempre eram belíssimo e extremamente feminino. Me apaixonei, de verdade, pela renda, após meu vestido de casamento, todo em renda e muito delicado. Então, estava decidido, o nome do blog seria “Alguma coisa renda” ou “Renda alguma coisa”.

Após a primeira pesquisa intensa, fiz outra, mas agora o meu foco era outro. O que combinaria com “Renda”?? Difícil, né? Então, comecei a pesquisar nome de cores. Descobri cada uma que eu nunca havia ouvido falar. Como a minha mãe, sempre gostei de vermelho e uma outra antiga paixão são os: SAPATOS VERMELHOS. Mas eles não podem ser num vermelho aberto, como o vermelho ou escarlate (meu vocabulário de cores aumentou graças a minha árdua pesquisa. Hehehe…). Têm que ser num tom mais escuro, como o carmim ou BORDÔ. Era disso que eu precisava: Renda Bordô. Achei que esse nome soava bem, mas, é claro, precisava do aval do meu companheiro para todos os momentos: meu marido. PRONTO!! Tudo resolvido. Eu gostei e ele também, então, batemos o martelo e começamos a colocar a mão na massa para tornar o Renda Bordô um blog formidável para vocês!!!

Espero que gostem do que vão encontrar por aqui!!!

Um abraço a todos!!!

“Não há nada mais feminino e moderno do que combinar um lindo vestido em Renda com o Bordô, seja esse nos sapatos, esmalte ou em um simples batom.”

Artigos relacionados: